IIGD Ograce

22/04/2011 - O SEU MINISTÉRIO

  • Envie por Email
  • Imprimir

“O rei se alegra em tua força, Senhor; e na tua salvação grandemente se regozija.”
Salmo 21.1

    Quando Jesus morreu pelos nossos pecados, Ele nos comprou para Deus (1 Co 6.20a; 7.23a), o que nos fez renascer na família divina. Ele não Se importou em pagar tão alto preço, pois desejava que fôssemos livres das mãos do inimigo. Assim, Cristo cumpriu o plano divino para a nossa vida. Porém, Ele não venceu o diabo pelo Seu grande poder, mas, sim, deixando-Se moer por todas as nossas transgressões (Is 53.5).
    Ao mesmo tempo, depois da obra da salvação, que Lhe custou caro, Jesus nos fez reis e sacerdotes para Deus (Ap 1.6a). Ninguém deve desprezar esse fato, pois é de suma importância para todos. O Senhor nos fez soberanos sobre todas as coisas que envolvem o nosso viver, uma vez que somos os continuadores da obra divina. Ora, ao sermos constituídos reis, foi-nos concedido o privilégio de ter a última palavra na missão para a qual fomos designados. Por isso, não é certo questionarmos se devemos ou não usar de autoridade sobre o mal que oprime qualquer pessoa. Se alguém nos solicita, ou, por alguma razão, somos levados a pessoas, devemos crer que é a mão divina a proporcionar um encontro a fim de que possamos abençoar. Portanto, não temos de pedir ao Senhor que faça algo por ela; nós é que devemos fazê-lo.
    O sinal de que somos soberanos é a alegria que inunda o nosso coração, por causa da força de Deus em nós. Então, se não somos alegres, isso significa que a força divina não está operando em nós – algo de errado aconteceu. Não há a mínima hipótese de alguém ser de Deus e não ter o poder celestial agindo em seu favor.
    Quando nos regozijamos com a nossa salvação, isso também é sinal de que estamos cumprindo o nosso chamado. Os cristãos que não dão atenção a esse fato precisam reexaminar-se, pois, provavelmente, não se inseriram no plano divino. Quem não tem alegria pode estar fora da vontade do Senhor. Apenas os que se regozijam grandemente com a salvação operada por Jesus, de fato, estão seguindo o plano de Deus.
    Os que foram feitos soberanos para o Altíssimo devem agir de acordo com a unção que receberam. Ele não nos deu Seu poder para ficarmos de braços cruzados, mas, sim, para continuar realizando a obra que Jesus começou a fazer. Seja um continuador dessa obra!
   
    Em Cristo, com amor,

    R. R. Soares

Todos os direitos reservados à Igreja Internacional da Graça de Deus · O site do povo de Deus.

fechar

De que maneira as mensagens diárias têm abençoado sua vida?

*todos os campos são obrigatórios

fechar

Pedido de Oração

*todos os campos são obrigatórios

fechar

Enviar Mensagem por Email