IIGD Ograce

17/06/2019 - FAÇA AS ÁGUAS SE MOVEREM

  • Envie por Email
  • Imprimir

Nestes jazia grande multidão de enfermos: cegos, coxos e paralíticos, esperando o movimento das águas. 

João 5.3

A notícia de que um anjo movia as águas do tanque de vez em quando foi registrada na Bíblia, por isso não pode ser desmentida. Porém, não temos o nome de nenhuma pessoa curada. A verdade é que, sendo lenda ou não, muitos se juntavam lá para esperar o tal movimento das águas. Ali estava uma porta aberta para os servos de Deus darem testemunho de que a fé em Cristo realmente funciona. Só Jesus ministrou naquele lugar!

Hoje, muitas pessoas das mais diversas religiões, até mesmo dentro das nossas igrejas, esperam algo que ponha fim ao sofrimento delas. Parece que a obra de Jesus foi somente Se apresentar como o Enviado dos Céus; na verdade, Ele continua operando pelo mundo. Faço a obra de Deus há quase meio século e já vi praticamente todo o tipo de prodígio.

Talvez, depois dessa série sobre o milagre de João 5, a qual terminará após mais sete lições, eu escreva sobre esse assunto importantíssimo. Estou certo de que falta em nossos dias o conhecimento de como Deus age, para que as pessoas recebam a libertação dos males que as atacam. Na série, veremos a facilidade com que Jesus fazia maravilhas e nos ensinava a realizarmos milagres também. O problema é que, hoje, transformaram a fé em nada. 

Veja, a fé real não pode ser substituída pelas “boas” obras do homem, como a religiosidade. Temos de voltar ao ponto utilizado pelo Mestre quando ensinava às pessoas o modo simples de agir e agradar a Deus. No Seu último mandamento, Ele explicou que as pessoas que cressem no Evangelho seriam salvas, e os sinais que O seguiam as acompanhariam, como expulsar demônios em Seu Nome e impor as mãos para curar os enfermos.

Por experiência, sei que preciso mover as águas – pregar a Palavra na unção do Santo Espírito. De nada adianta me compadecer de alguém e orar para que o Senhor o cure ou liberte. Jesus tinha poder e libertava pessoas, mas, primeiro, ensinava as Escrituras. Após aprenderem a agir para receberem a bênção, os sofredores tinham fé e Cristo os abençoava, repreendendo seus males e curando-os. Aleluia!

Jesus não foi ao poço para visitar os enfermos, chorar por eles ou dizer que nenhum deles prestava por serem pecadores. Ele dirigiu-Se até lá para transmitir a mensagem que pregava em toda parte. Aqueles que viram a cura do paralítico entenderam que Deus ama o ser humano, depois O procuraram e foram restaurados também. Temos de ensinar que o Senhor nos deu tudo o que diz respeito à vida e piedade (2 Pe 1.3).

Quem deu ouvidos ao Evangelho e aceitou o Filho de Deus como Salvador e Senhor faz parte do Corpo de Cristo e, por isso, tornou-se a justiça de Deus em Jesus. Agora, possui autoridade sobre o mal e pode orar pelos aflitos. Porém, se não os levar a um encontro pessoal com o Senhor, as trevas que os cercam não os deixarão ser livres.

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares


Oração do Dia

Deus que move as águas! Precisamos dar ao povo a cura providenciada na cruz por Jesus na Sua morte. Usa-nos do mesmo modo que usavas Teu Filho. Não podemos desassociar a mensagem de salvação da cura, pois ela integra a redenção.

Jesus foi ao Calvário para nos remir dos pecados e nos curar das enfermidades. Na cruz, Ele nos substituiu, a fim de sermos salvos e libertos. Hoje, a cura e demais bênçãos são direitos em Cristo. Portanto, ensina-nos a fazer o certo!

Temos de falar como Jesus, livrando-nos dos modos de pregar e orar que nos ensinaram e ficando com o Teu exemplo. Então, teremos os mesmos resultados do Salvador. Devemos mover as águas e ver multidões livres dos males. A Ti seja a glória!

Todos os direitos reservados à Igreja Internacional da Graça de Deus · O site do povo de Deus.

fechar

De que maneira as mensagens diárias têm abençoado sua vida?

*todos os campos são obrigatórios

fechar

Pedido de Oração

*todos os campos são obrigatórios

fechar

Enviar Mensagem por Email