IIGD Ograce

21/05/2020 - A OBEDIÊNCIA DAS ÁGUAS

  • Envie por Email
  • Imprimir

Subiram aos montes, desceram aos vales, até ao lugar que para elas fundaste.

 

Salmo 104.8

É impressionante o movimento das águas em obediência ao que o Criador havia dito. Elas se elevaram acima dos montes, desceram aos vales e ocuparam o lugar que lhes fora preparado, segundo a presciência do Senhor. Não houve falta nem excesso. Isso nos ensina a ir em frente com a obra, deixando que Ele cuide dos detalhes. Tudo nos será concedido, se formos obedientes ao mandado do Todo-Poderoso. Aleluia!

Se olharmos o vento, deixaremos de semear. Pensando no âmbito espiritual, havendo perseguição aos cristãos em alguma nação, isso não deve ser motivo para temermos. As Escrituras declaram que nada nos causará mal (Is 54.17; Mc 16.18), desde que estejamos agindo sob as ordens divinas. O servo de Deus não pode escolher onde ou quando irá obedecer, e sim seguir a instrução de Quem sabe tudo. O Senhor estará com ele sempre.

Nos dias de Noé, por orientação de Deus, romperam-se as comportas do grande abismo – o qual pode ser entendido como os oceanos –, e as janelas dos céus foram abertas em forma de chuvas sobre a terra durante 40 dias e 40 noites (Gn 7.11). O Dilúvio durou até todo o planeta ser inundado. Os altos montes ficarem submersos. Toda a vida morreu, mas Noé viveu!

Alguém pode perguntar: “De onde vieram as águas?”. Bem, em Gênesis 1.7, está escrito: E fez Deus a expansão e fez separação entre as águas que estavam debaixo da expansão e as águas que estavam sobre a expansão. Nessa divisão, parte das águas ficou debaixo da expansão e outra sobre a expansão. Sendo Deus, Ele pode esconder as águas dos oceanos em um simples balde. Afinal, Ele é o Todo-Poderoso (Is 40.11-18). Ao homem compete tão somente crer!

Alguns creem que, quando toda essa água caiu sobre a terra, o seu imenso peso fez com que as montanhas se espichassem mais e, assim, surgissem as maiores elevações. Eis a verdade: quem não é salvo nunca saberá o que ocorreu de fato. Como, na arca, o leão ficou ao lado do cabrito por mais de um ano, sem tentar se alimentar dele? Deus cuidou dos pormenores. Além disso, a arca não ficou fétida com tantos animais nela. Isso é tremendo!

As águas subiram aos montes e desceram aos vales até o lugar que o Senhor fundou para elas; até onde Ele já tinha planejado criar, antes mesmo de tudo vir à existência. O Pai sabe das coisas que ainda não apareceram, por isso devemos buscar a Sua presença. Sem Ele, nada poderemos fazer (Jo 15.5). Quem aprende na Palavra recebe a capacidade de crer em Jesus. Deus é bom para nós!

Cristo disse que iria para os Céus preparar um lugar para nós (Jo 14.3) e, na Sua volta, iria nos levar para o Lar da perfeição. Siga o Mestre e permaneça na presença dEle hoje e na eternidade. Sem Ele, ninguém será salvo, mas estará no pior lugar que poderia existir, o lago de fogo e enxofre. Cuide-se!

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares


Oração do Dia

Deus a Quem obedecemos! Queremos aprender com as águas, que partiram para se colocar onde Tu determinaste. Tu és o nosso Deus, por isso nós Te devemos fidelidade completa, para estarmos onde desejas!

Jesus disse a verdade: Ele veio nos dar vida com abundância. Por isso, precisamos nos instruir para ocupar a posição idealizada por Ti. Tu Te preocupas com o nosso bem-estar! Obrigado!

Ajuda-nos quando estivermos lendo a Palavra, orando a Ti ou repreendendo as forças do reino do mal. Para fazermos a Tua obra, precisamos da Tua companhia ao nosso lado. Desejamos ser filhos abençoados. Assim, nós Te honraremos e amaremos!

Todos os direitos reservados à Igreja Internacional da Graça de Deus · O site do povo de Deus.

fechar

De que maneira as mensagens diárias têm abençoado sua vida?

*todos os campos são obrigatórios

fechar

Pedido de Oração

*todos os campos são obrigatórios

fechar

Enviar Mensagem por Email